quinta-feira, 4 de dezembro de 2008

Apresentação

Oi, tudo bom?
Eu não sei se alguém vai ler isso, mas como sou uma pessoa otimista - pelo menos, estou tentando ser - aí vai uma breve apresentação de mim mesmo. Sim, eu sei que vai ser chato ler e que você, sujeito impaciente, vai pular essa parte ou ir para outro site da internet. Paciência...
Pois bem, sou Alex, tenho vinte anos e um sonho - uau, que bonito, daqui a pouco o povo vai chorar! Mas é sério, meu sonho, meu grande desejo de alguns anos pra cá, é me tornar um escritor. Tarefa ingrata no Brasil, não é? Pois é, mas eu acredito que dá pra realizar qualquer coisa, quando se põe esforço e dedicação. Papo clichê, não é? Tô parecendo a Xuxa falando pras criancinhas acreditarem nos seus sonhos, a Xuxa que acha - ou deve achar - que o mundo é um conto de fadas e que as menininhas vão encontrar seu principe encantado. Tenho uma visão muito realista do mundo. Como diria um livro que eu li: Esse é um mundo velho e cruel. Eu quero ser escritor, quero um dia poder viver só de literatura, já que literatura é a minha paixão, já que as palavras são as melhores companheiras que se pode ter. Contudo, eu posso nunca conseguir isso; talvez ninguém nunca me dê valor como escritor; posso estar empolgado hoje e desanimar amanhã e nunca mais voltar a escrever e passar o resto da minha vida sendo, sei lá, professor de português - a profissão surgiu por acaso na minha cabeça.
O que nos define não são nossas habilidades, mas sim nossas escolhas (foi o Dumbledore do Harry Potter quem disse isso). Com essa frase eu quero dizer que a minha escolha é persistir no desejo de ser escritor, mesmo que não obtenha sucesso nenhum. E é por isso que decidi criar um blog, para movimentar a mão, trabalhar as palavras, brincar com elas, não deixar o desejo morrer. Então, devo escrever nesse espaço reflexões, pequenas histórias de ficção, idéias malucas e por aí vai. Quem sabe um dia alguma editora não se interessa pelo meu talento - isso se eu tiver algum.
Eu queria encontrar outros aspirantes a escritores também, então se você for um e acidentalmente entrar nesse blog, deixe seu recado para que assim possamos trocar informações sobre estilos, idéias, personagens, etc. O negócio é movimentar as coisas. Pô, vamos mostrar que também há aspirantes a escritores nesse país que só dá valor a jogadores de futebol e programas de TV imbecis.
Até a vista, então.

Um comentário:

fatima disse...

Talento você tem...só falta ousadia!!!
"Palavras - tão inocentes e impotentes elas são enquanto imóveis em um dicionário, quão poderosas para o bem e o mal elas se tornam nas mãos de quem sabe como combiná-las."